25/03/2011 | por cleber

Categorias: Últimas Notícias

Rio – Expansão da coleta seletiva até 2013

A Prefeitura do Rio de Janeiro construirá seis centrais para triagem de materiais como parte do programa de ampliação da coleta seletiva. O objetivo do plano é ampliar o serviço para todos os bairros até 2013. Serão investidos R$ 50 milhões, em parceria com o BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Social). Atualmente, somente 1% dos materiais recicláveis é recolhido na cidade. De acordo com o prefeito Eduardo Paes (PMDB), a iniciativa é pioneira e será “um grande passo para a cidade”.

- Estamos dando um passo fantástico. A gente precisa avançar muito ainda na questão da coleta seletiva, mas temos a iniciativa. A cidade do Rio esta topando esse desafio para ser modelo para outras.

O programa vai fazer do Rio a primeira cidade brasileira, e a única capital-sede da Copa de 2014 até agora, com capacidade de aproveitamento de lixo domiciliar nos parâmetros da nova Política Nacional de Resíduos Sólidos, regulamentada em dezembro de 2010.

O processo de implantação do programa conta a construção de seis centrais de triagem e inclusão social dos catadores, que, organizados em cooperativas, serão treinados para o serviço.

O secretário municipal de Conservação, Carlos Alberto Osório, explicou como ficou dividida e destina a verba do programa.

- A prefeitura vai entrar com R$ 28 milhões para cessão de seis terrenos para a construção das centrais, coleta domiciliar e de instituições, transporte dos reciclados até as centrais, instalações de ecopontos e divulgação do projeto. Já o BNDES coloca R$ 22 milhões para a construção das centrais, compras de máquinas e equipamentos, melhoria nas estruturas comerciais e produtivas das cooperativas e regularização documental e ambiental. Hoje nós fazemos a coleta de 1% desse lixo seletivo da cidade. Com esse programa, pretendemos quintuplicar essa coleta.

A primeira etapa do projeto vai abranger o centro, a zona portuária e a zona sul. Nessa fase será construída a primeira central, que ficará na rua Coronel Aldomaro Costa 235, no centro do Rio. A previsão é de que o local funcione em dois turnos, com 150 catadores cada, e cubra 3% dos materiais potencialmente recicláveis gerados por mais de um milhão de moradores dessas áreas.

Em um segundo momento, serão atendidas as zona norte e parte da oeste, com a criação das centrais de Bangu e Irajá, em 2012.

A última etapa prevista para 2013 ficará por conta da construção das estruturas de Campo Grande, Vargem Pequena e um terceiro bairro ainda não definido.

A ampliação da coleta na zona oeste será integrada aos ecopontos, lugares montados pela Comlurb (Companhia de Limpeza Urbana) para recebimento de entulhos e outros bens.

Os caminhões da Comlurb usados no transporte e coleta do material reciclável são do tipo compactadores e gaiolas, de 15 metros cúbicos e 20 metros cúbicos. Na primeira fase, os caminhões vão passar diariamente no centro e duas vezes por semana nos bairros da zona portuária e região sul.

Claudete Costa, que é representante da cooperativa do centro, que receberá a primeira central de triagem e espera que programa dê certo, porque várias propostas foram feitas e nada foi concluído.

- As propostas no papel são ótimas, quero ver na prática. Porque no papel são uma coisa e na real outra.

Nesta quinta-feira (24) também foi formado o conselho deliberativo que será responsável por implantar o programa, aumentando o número de ruas atendidas e de caminhões destinados ao serviço, para reduzir a quantidade de resíduos enviados aos aterros. O objetivo é obter ganhos ambientais com redução dos resíduos urbanos.

Fonte: R7




Uma resposta a Rio – Expansão da coleta seletiva até 2013

  1. Ismael Fassina disse:

    post era da outra noticia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>